10 coisas que não podem faltar na mochila de um viajante

Se há algo a que devemos prestar atenção quando estamos a ponto de iniciar uma viagem é a nossa bagagem. Algo que parece tão comum, pode se tornar nosso melhor amigo ou nosso pior inimigo, dependendo da maneira como o fazemos. Deixamos uma seleção de 10 coisas que não podem faltar na mochila de um viajante entre as quais incluímos algumas tão básicas como o kit de viagens, esse eterno acompanhante, que muitas vezes nem sequer abrimos, mas que, no caso de ser necessário, se tornará o nosso melhor amigo.

10 coisas que não podem faltar na mochila de um viajante

10 coisas que não podem faltar na mochila de um viajante


1 – Documentação em dia (e revista)


Embora possa parecer algo óbvio, nunca é demais rever a documentação necessária para uma viagem. Mas não só é necessário olhar que viagem conosco, nós podemos confirmar que toda a documentação está em ordem, ou seja, de acordo com as datas de validade, que o passaporte tem as suficientes páginas em branco, que todos os documentos têm os dados pessoais, bem visíveis, que carregamos conosco uma carteira de motorista internacional em caso de que necessitemos, que levou um bom seguro de viagem (ninguém está livre de cair doente, por muito viajantes que sejamos) e esse longo etcétera que deve verificar antes de sair de viagem.
À parte, não devemos viajar sem ter uma cópia de toda a documentação, o que nós podemos salvar perfeitamente na nuvem para poder consultar com e sem conexão, uma forma de obter esta documentação de uma forma fácil e simples, no caso de ser necessário.


2 – Câmera de fotos, disco rígido portátil…


Se bem é verdade que, para muitos, não será necessária tanta tecnologia, no caso do que para ti seja imprescindível, como é por exemplo o nosso caso, convém verificar antes de ir todos os aparelhos eletrônicos que tomemos. Isso passa por carregar as baterias da câmera, verificar que levamos todos os carregadores e que temos baterias suficientes para a câmera, como cartões de memória. Um dos extras que não podem faltar na mochila de um viajante é um plugue com vários slots usb para poder carregar vários aparelhos em uma mesma tomada de corrente. Para nós do que o que temos nos salvou de ter que estar levantándonos a meia-noite para mudar de dispositivo em quartos com uma só tomada. Pode parecer exagero, mas isso é o que você precisar carregar cada dia o portátil, um par de móveis e, às vezes, uma bateria extra.
À parte, devemos pensar em que uma cópia de segurança de nossas fotos nunca vem mal. E se não lhe perguntem a quem perdeu o cartão de memória ou se você perdeu durante uma viagem. Hoje em dia existem discos rígidos pequenos e de pouco peso, em que podemos ir baixando as fotos para garantir sempre uma cópia de segurança.


tecnologia-viagens


3 – Kit de primeiros socorros. Coisas que não podem faltar na mochila de um viajante


Outra das coisas que não podem faltar na mochila de um viajante e é como sempre dizemos: “tudo vai bem até que deixe de ser assim“. Não faz falta que a tua mochila pareça um hospital, ao contrário, mas sim que deverá incluir um kit básico de viagem, que inclua algumas coisas que com certeza, você virá de fábula em caso de ficar doente:



  • Termômetro: Indispensável para saber se tem febre. Uma elevação de temperatura pode ser um sintoma de que algo não anda bem.

  • Analgésico e Anti-inflamatório: Nós sempre levamos Paracetamol (Gelocatil) e Ibuprofeno (Espidifen), que cobrem as doenças mais comuns.

  • Antibióticos: O mais aconselhável levar algum genérico. Nós sempre levamos a Amoxicilina, mas recomendamos que isto seja sempre consulte com um médico, que são os que realmente conhecem seu histórico médico e sabem o que pode ou deve tomar.

  • Erosão: Para combater a temida diarreia do viajante. E é que não há nada pior em uma viagem do que ter que estar correndo em busca de um banho ou de ter que ficar na cama. Agora no mercado temos Hidrasec, com racecadotrilo como princípio ativo, que é tão eficaz como as outras alternativas que existem no mercado, mas muito mais tolerável, já que evita o inchaço abdominal, prisão de ventre adicional, também é compatível com outros medicamentos e não diminui nem altera o movimento do intestino.

  • Anti-histamínicos: Para eliminar ou reduzir o efeito de uma alergia.

  • Repelente de mosquitos: No caso de ser necessário. Nós costumamos usar Goibi e vai muito bem.

  • Protetor solar: é Imprescindível e não apenas no caso de viajar para a praia. Há que ter em conta que o sol está em todos os sites, por isso que, estando de viagem, também devemos cuidar da nossa pele.

  • Extras: Tiras, gazes, esparadrapo…

  • Medicamentos pessoais, no caso de ter alguma doença específica. Se você pode levar o histórico médico, em inglês, com a medicação que toma, o melhor.
Kit. 10 coisas que não podem faltar na mochila de um viajante

Kit. 10 coisas que não podem faltar na mochila de um viajante


4 – Capa impermeável para mochila


Algo que parece tão simples como uma luva, pode salvá-lo de ter toda a sua bagagem molhado durante vários dias em um dia de chuva. E não só para os dias de chuva em que você vai a pé, com a mochila às costas e ela precisa de proteção. Que nos perguntar a nós na Guatemala, quando fizemos o trajeto de Semuc Champey para o Rio Doce em uma van compartilhada, onde a bagagem vai no bagageiro e por muito que se cubra com uma lona, se cai a tempestade do século, como aconteceu a nós, já podes fazer-te à idéia de ter que estar próximos dias ventilando toda a sua roupa.


5 – Roupas e calçados. Mas sem levar o guarda-roupa inteiro!


Há que ter muito em conta, e é que o que esse “viajar leve” que tendem a origem dos viajantes, é uma verdade como um templo. Antes de fazer a mochila deve rever onde vamos, se vai fazer calor ou frio, ou se faremos alguma atividade como um trekking para que precisamos de alguma peça especial. Após esta pequena peneira, não há nada como usar roupas que sejam versáteis, como por exemplo um sarong, que tanto nos servirá para a praia, como para anudarlo ao pescoço uma noite que faça fresco, como para nos cobrir os ombros no caso de ser necessário em alguma visita.
Nós quando viajamos mais de 3 semanas seguidas sempre lhe vamos dar um segundo olhar para a mochila e, embora não vos creiais, nessa segunda rodada, sempre acabamos tirando várias peças de vestuário, assim que não está mais fazer uma revisão de tudo que temos trazido para assegurar-se de que merecerá a pena carregar nas costas com cada grama “por acaso”.


roupa-viagem


6 – Tampões para os ouvidos, máscara, almofada…


Aqui a escolha dependeria de cada um. No nosso caso, apenas levamos tampões para os ouvidos e cada vez que os utilizamos, voltamos a pensar o mesmo: Como algo tão pequeno pode chegar a ser tão útil. No avião, quando você quiser dormir, em algum outro hotel em que o ruído está incluído no preço do quarto ou até mesmo em mais de um transporte público em que seus companheiros de viagem, se empenham em fazer da viagem, a festa do ano.


rolhas-ouvidos-viagens


7 – Lanterna ou frontal


Embora pareça mentira, certeza que em um momento ou outro de sua viagem, você agradecerá levar uma pequena lanterna ou frontal em sua mochila. É algo pequeno, que quase não ocupa espaço e que não pesa quase nada e, pelo contrário, é super útil em muitas situações. Há muitos países em que os cortes de luz costumam ser comuns, em alguns outros, os banheiros não costumam ter luz e levar uma lanterna costuma ser um grande aliado nessas situações. Então, não hesite e faça-o com um deles. Se nos permitir um conselho, o frontal é muito mais útil, especialmente nos casos em que é necessário ter as mãos livres.


8 – Adaptador universal


Tendo em conta que cada vez são mais os aparelhos eletrônicos que temos em nossas viagens, você só tem que ler o ponto 2 deste post, nos daremos conta de que levar um adaptador universal em nossa mochila é praticamente imprescindível e deve ser uma das coisas que não podem faltar na mochila. Comprar um que seja completamente seguro que nos economiza mais de dor de cabeça.


9 – Livro, bolis, marcador…


Parece muito óbvio levar canetas em uma viagem, né? Pois é precisamente por isso que em muitas ocasiões nos acabamos esquecendo, dando-nos conta, no momento de necessidade que ficaram nos esperando em casa. De certeza que agora mesmo você está lembrando de vezes que o avião, ao ter que preencher a ficha de imigração, se viu olhando ao seu redor em busca de alguma alma caridosa (e mais precaução do que tu) que lhe preste esse precioso aparelho.
O mesmo acontece quando precisamos de um papel para escrever um endereço, um e-mail ou marcar alguma idéia que precisamos lembrar de tempo mais tarde. Não ocupam muito e podem ser muito úteis, por isso não deixe para trás nem um par de canetas ou uma pequena caderneta.


10 – Ilusão


E é que não há nada como carregar a mochila de ilusão. Aqui sim, aconselhamo-lo a não colocar limites. Carregue-o ao máximo, aproveite, VIVE e VIAJA.
IMG_9013


**Post em colaboração com Hidrasec

Classifique esse post