5 Dicas para viajar de avião como rei

Por Nelson Mochileiro:


Já estive tantas vezes no avião que já não posso contá-las. Já estive mal, viajei bem, eu perdi voos, me quebraram bagagens, me quiseram cobrar excesso de peso; mas também me deram presentes, espero ter vazado na primeira classe, foi-me dado voos, multiplicado milhas, bonificado e coisas desse estilo que cada um vai aprendendo como é que acontecem no caminho.


É assim que, em minha trajetória, aprendi alguns truques para ajudá-los a se tornar seres supervoladores. Aqui vão algumas dicas para aproveitar ao máximo os benefícios de uma companhia aérea:


1. Como levar mais bagagem sem pagar excesso de peso:


Em cada voo, dependendo da companhia aérea, se permite uma certa quantidade de volumes e peso. Uma parte do débito e vai até a adega e outra vai contigo na cabine (bagagem de mão). Se você quantidade exceder na bagagem de porão até cerca de um quilo, em geral, não acontece nada, gramas mais gramas a menos. Tente ser preciso e sempre pesar sua bagagem antes de sair. O segredo esta na bagagem de mão: supõe-Se que essa bagagem é de coisas pequenas e leves, mas esse quase nunca te pesam. Você pode levar uma mochila média cheia de tijolos, e ninguém dirá nada. O importante é que não tenha dimensões exageradas, e que caiba onde deve ser. Então, se você acha que você tem excesso de peso, leva todas as coisas pesadas que você possa colocar na bagagem de mão e você terá mais peso livre para preenchê-lo na bagagem que vai no porão. Além da bagagem de mão, você pode levar um bultito extra, como uma câmera de fora, um laptop, uma guitarra. Eu viajei muitas vezes com guitarra, além de uma mochila com laptop e câmera e nunca me cobraram a mais, e ainda aproveitei o estojo para colocar alguns itens extras.


Claro, nunca viajo com isso, mas isso funciona excelente em casos de emergência onde é que eu vou viver temporadas longas em outro lugar.


2. Como escolher o melhor assento do avião:


Escolher o assento no avião


Ao contrário do que pensam muitos com relação à segurança, etc, para mim o melhor lugar é o que tem mais espaço e acessibilidade por menos preço.


Quase sempre escolho o lugar de mais ao fundo, na cauda do avião. As pessoas geralmente não se senta lá e se o seu vôo não vai muito cheio é a zona de lugares vazios, sempre que sobre espaço. Isto várias vezes me permite a utilização de até três bancos juntos para dormir estendido à noite, como se fosse uma cama. Melhor do que na primeira classe.


Ao mesmo tempo, estes são os primeiros a ligar para abordar o avião e você tem que fazer menos fila.


Outro benefício é que estas perto do banheiro e da cozinha. Em vôos longos e intercontinentais um pode passar pela cozinha e pedir lanches adicionais ou pegá-los por aí (sim, são grátis), há espaço para esticar as pernas um pouco. A maioria das pessoas não sabe disso, porque está sentada ao meio ou em frente e só se levanta para ir ao banheiro. Isso vale para os voos intercontinentais para os locais onde nem sempre se dão as mesmas condições.


3. Como levar um instrumento musical ou esportivo grátis no avião:


Eu mesmo me fiz essa pergunta muitas vezes em voos diferentes, chamei, eu escrevi, e averigué todo o possível. Teoricamente, às vezes, você deve pagar um adicional ou levar como bagagem especial no porão. Cada companhia aérea muda de política ligeiramente. No entanto, descobri que geralmente se aceitam viajar com uma guitarra ou qualquer instrumento que não seja volumoso. Todos os dias passa alguém com um instrumento para a cabine do avião que já estão acostumados e o certo é que nenhum músico faz-lhe bem a idéia de mandar um artefato tão delicado para a adega. Passam mães com bebês e dezenas de bolsitos, pessoas com cadeiras de rodas, pacotes especiais, etc. O importante para poder passar sem inconvenientes é que procures que não seja um estorvo para os outros. Por isso, ao abordar o avião a primeira coisa que você deve fazer é pedir se podem guardar no armário ou guarda-roupa. Geralmente os aviões maiores contam com isso, ou mesmo se colocam seu instrumento em primeira classe. No caso das guitarras, o irritante é que o cabo é longo e sobredimensiona o pacote que, na realidade, é claro. Você pode levá-la também meio escondida debaixo do assento, em compartimentos de cabine se os demais bagagens o permitem e, como mencionei inicialmente, o guarda-roupa. Geralmente não há necessidade de pagar excesso de peso ou bagagem adicional, se o fizer desta forma.


4. Como e por que proteger a sua bagagem:


bagagem no avião


Realmente não existe voo onde não tratem de sua bagagem como lixo. Este vai por bandas automáticas, cair, quica, é posto abaixo de muitos outros bagagens e esgotados os carregadores já não têm a mínima delicadeza de levantar o seu volume com carinho depois de repetir o processo todo o dia. E se você ai que fazer honra à verdade dos aeroportos também roubam. Se pode ser que não seja a companhia aérea X ou para o aeroporto, mas em várias ocasiões achei bolsos da mochila abertos e objetos sustraidos das áreas que estão à mão. Digo-o sem má fé e de primeira mão, já me aconteceu, aconteceu com a gente que eu conheço. Por isso, sempre que puder envolve sua bagagem em plástico foil. Essa fita de embalagem de polietileno transparente que assegura e compacta o seu volume. O lugar onde mais se prejudica a sua mochila durante toda a viagem é sem dúvida alguma o aeroporto assim que também servirá para aumentar o investimento que fez em sua mochila. E, finalmente, lembre-se que é mais barato do que o faças tu em casa do que no aeroporto. Com o que costumam cobrar por cobrir a sua bagagem pode tornar-se um rolo de fita adesiva e fazê-lo várias vezes em viagens diferentes.


5. Como aproveitar ao máximo os benefícios das companhias aéreas:


Se bem que alguns benefícios podem custar mais do que outros, pagar dezenas ou centenas de euros por vinte centímetros a mais de espaço para os pés, ou por um posavaso mais amplo não tem muito sentido, nem mesmo se lhe sobre o dinheiro. Há um marketing exagerado em muitas companhias de voo usando a classe, o estilo, o glamour e a diferenciação” como arma para melhorar seus rendimentos, mas isso traz algumas vantagens que você pode usar em seu favor:



  • Milhas.- Um programa de bônus que têm todas as companhias aéreas para os viajantes frequentes. Quando juntas certa quantidade, você pode utilizá-las para voos. Deverá estar subscrito. Às vezes você se duplicam os seus pontos por completar ações simples como sugerir a um amigo, atualizar seus dados e coisas pelo estilo. Fique atento.

  • Assinatura ofertas.- Se bem que às vezes são saturantes e vão para a sua pasta de spam, também podem servir de radar para quando você marque uma oferta a um lugar que deseja ir. Subscrever ofertas e promoções vale a pena quando você é um viajante com carta livre para sair a qualquer momento e em qualquer lugar.

  • Voos de última hora.- Algumas companhias aéreas têm uma seção que informa as promoções de última hora ou descontos por épocas especiais. Se estas atento a isso também poderá obter preços ultra-baixos, quando você menos espera.

Espero que estas notas se tenham servido. Já sabe que pode deixar o seu comentário e continuar a conversa nos FÓRUNS DE turistas de MOCHILA às costas, onde mais pessoas continuam compartilhando “Travel Hacks”.

EtiquetasaerolíneasConsejos de viajelow-costTips mochilerostravel hacksTurismovuelosvuelos baratosvuelos para turistas de mochila às costas

Classifique esse post